26 de ago de 2013

[RESENHA] Extraordinário, de R.J. Palacio

ExtraordinárioTítulo Original: Wonder
Editora: Intríseca
Ano: 2013
Páginas: 318


August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso ele nunca frequentou uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.
Narrado da perspectiva de Auggie e também de seus familiares e amigos, com momentos comoventes e outros descontraídos, Extraordinário consegue captar o impacto que um menino pode causar na vida e no comportamento de todos, família, amigos e comunidade - um impacto forte, comovente e, sem dúvida nenhuma, extraordinariamente positivo, que vai tocar todo tipo de leitor.


Olá leitores do (con), vamos começar a semana falando de gentileza?
Well, na verdade vamos falar de Extraordinário, um livro que é tão maravilhoso e especial quanto seu protagonista. O livro narra a história de August Pullman, mais conhecido como Auggie, um garoto de dez anos que nasceu com uma grave deformidade facial. -Nesse momento deve estar imaginando um big clichê sobre um garoto deformado e sua vida difícil, mas acalme-se. - Auggie estudou a vida toda em casa, mas como está indo para o quinto ano, seus pais acham que está na hora dele ir para uma escola. Se uma escola nova já é difícil para nós, imagine pra esse garoto. Auggie vai descobrir que conhecer pessoas novas e sair de sua zona de conforto não é tão difícil quanto parece, que existem pessoas gentis, pessoas que definitivamente não são gentis e as que aprendem a arte da gentileza.


“...O legal de crianças pequenas é que elas não dizem coisas pra tentar magoar você e, mesmo que às vezes façam isso, não sabem o que estão falando. Quando elas crescem, por outro lado... sabem muito bem o que estão dizendo.”


O livro é divido em oito partes, sendo duas narradas pelo Auggie e as outras seis por outros personagens (Via, irmã de Auggie; Summer, uma amiga que August conhece na escola; Jack, outro amigo de escola de Auggie; Justin, o namorado de Via e Miranda, a melhor amiga de Via.). O mais incrível no livro é que R.J. Palacio te envolve na história de uma forma que você consegue compreender cada personagem, até aqueles que você chega a ter um pouco de raiva. A maioria dos personagens são apaixonantes (Auggie e Justin foram os que mais me cativaram), e incrivelmente reais, é muito fácil se identificar com a Miranda ou com a Summer, por exemplo.
A leitura é super gostosa e nada cansativa. Extraordinário é o tipo de livro que vai te fazer chorar, rir e, principalmente, é um livro que vai te ensinar sobre a vida e sobre como lidar com as dificuldades dela. .  O livro é cheio de preceitos e, basta a leitura de algumas páginas pra se sentir bem e ver que a vida pode oferecer coisas muito boas.


"não. Não é tudo um acaso. Se fosse, o universo nos abandonaria à própria sorte. E o universo não faz isso. Ele cuida das suas criações mais frágeis de formas que não vemos. Como com pais que amam cegamente. E uma irmã mais velha que se sente culpada por ser humana com relação a você. E um garotinho de voz grave que perdeu os amigos por sua causa. E até uma garoto de cabelo rosa que carrega sua foto na carteira. Talvez seja uma loteria, mas o universo deixa tudo certo no final. O universo cuida de todos os seus pássaros.”




Nenhum comentário:

Postar um comentário