31 de out de 2013

NaNoWriMo: novembro é mês de escrever um romance!

EU SEI, EU TAMBÉM NÃO SABIA!!! (E, é, a frase não fez o menor sentido. MAS ESSE NÃO É O PONTO!)
Oi, contextuados! Tudo bem com vocês? Eu realmente espero que sim, e se não estiverem, espero que você acabem se contagiando com a minha animação!
(Ou não.)
Então, eu costumo ficar muito no twitter e lá, eu sigo muita gente legal. Entre essa gente toda, a Bell, ou Bárbara Morais, que é a autora de A Ilha dos Dissidentes e blogueira do Nem Um Pouco Épico (um dos melhores blogs da atualidade brasileira, bjks). E aí eu vi ela falando bastante sobre esse tal de NaNoWriMo, sobre fóruns e metas e 50.000 palavras, e como eu sou uma pessoa extremamente curiosa, cliquei nos links que ela postava e fui ver do que se tratava.
E AÍ EU FIQUEI SUPER ANIMADA!!!


Sem mais delongas, vou dizer o que É QUE SIGNIFICA ISSO AFINAL MEUS DEUSES SARAH O QUE É ISSO CONTA LOGO POR QUE VOCÊ TÁ FAZENDO SUSPENSE. Pois é. Acontece que esse há um tempo indeterminado (mentira, eu só tô com preguiça de procurar), esses norte-americanos lindos resolveram criar um programa de incentivo a escrita: o NaNoWriMo. Eles resolveram também que novembro é o mês anual de se escrever um livro. E ADIVINHA, MUITOS BRASILEIROS ADERIRAM A IDEIA. (E americanos também, sabia que a continuação de Insaciável, da Meg Cabot, foi escrito durante um NaNoWriMo?) (E essa coisa de brasileiros aderindo também automaticamente detona o "national", uma vez que o "national" remete a "USA" e nós sabemos, ou descobrimos hoje, que pessoas do mundo inteiro participam do NaNoWriMo.)
Para usar, é muito simples:
Passo 1: você se inscreve.
Passo 2: você escreve.
I KNOW!!!
Tá, tudo bem, não é ASSIM tão simples, mas é basicamente isso. Existem fóruns, pelo que eu vi, de escritores em comum. Você não posta sua história no site (foi a primeira dúvida que tive) e também não precisa escrever em inglês (foi a segunda). Basicamente, você precisa escrever e atualizar o status da sua história no site e pronto! Para que você complete o mês de novembro feliz, precisa atingir a meta PRATICAMENTE IMPOSSÍVEL de 50.000 palavras na sua história. (Dizem que se você fizer isso, o NaNo te dá uma medalhinha!!!)






E por que alguém faria isso?, você me pergunta.
PORQUE É COMPLETAMENTE INSANO! 
Tudo bem que nos Estados Unidos não existe tanta preocupação com o mês de novembro porque ELES GERALMENTE NÃO TEM DE FECHAR UM SEMESTRE NO MEIO DO INVERNO (lá é inverno), mas nós, temos (embora aqui ainda seja primavera, MAS WHATEVER, TEMOS DE FECHAR O SEMESTRE MESMO ASSIM). A questão é que você precisa escrever 50 mil palavras em 30 dias, o que, nos cálculos da Bell, são 1667 palavras por dia.
(Em times 12, margens comuns, três páginas do Word.)
E isso é difícil, porque, geralmente, vão haver dias em que você vai escrever o triplo e dias em que você não vai escrever nada. Digo isso por experiência própria. Não de NaNo, mas de escrita mesmo.
Então, Sarinha, depois que eu terminar minha história de 50k no NaNoWriMo e ganhar minha medalinha, e ser feliz, posso mandar pra editora?
NOOOOO. A ideia do NaNo é: criar disciplina. TODO MUNDO SABE que muitos escritores têm problemas sérios com procrastinação, tempo e pura preguiça. Quando você tá na correria, escrevendo que nem um filho da mãe, desesperado pra conseguir a meta, você não se importa se seu texto tá uma droga. Você só continua escrevendo. E NÃO PODE PROCRASTINAR, OU ENTÃO, NÃO CONSEGUE A META!!!
É meio que um compromisso consigo mesmo.
Ano passado eu descobri que trabalho bem melhor sob pressão, por isso, É CLARO QUE EU TÔ NESSA. Além disso, eu tenho uma leve inclinação a desafios. Bem leve mesmo.
Mas eu não estou fazendo esse post por minha causa. Estou fazendo por causa de vocês!!! Porque eu sei que mesmo com a escola ferrando tudo, vocês podem escrever para o NaNo!!!
Levando em consideração que é um desafio pessoal seu, e que a história pode tanto vir na hora quanto ser planejada meses antes (é, agora não dá, porque começa amanhã HUE), e que o único jeito de se aprender a escrever é escrevendo, sério, o que você tem a perder?
A história que eu vou escrever, felizmente, será postada para vocês, queridos. Mas não aqui no (con), muito embora vá ter um link direto para ela aqui no cantinho do blog. Tô animada com a ideia e estudando muito pra ela, portanto... 50.000 PALAVRAS EM NOVEMBRO NOS AGUARDAM!
Bora escrever?  Como diria a própria faq do site: o mundo precisa do seu romance!
Se vocês ainda tiverem dúvidas sobre o NaNoWriMo, deem uma lida nesse post do NUPE, uma FAQ feita pela própria Bárbara, e esse post do Literalmente Falando. A Iris também é veterana.  Agora sai desse blog que você tem um romance a escrever.

P.S.: FELIZ HALLOWEEN!







Nenhum comentário:

Postar um comentário